Etiqueta: Poesia

A sombra de todas as coisas, Maria Duran Marques

«Se pelo menos alguém calasse o Sol! / Por um dia apenas, uma manhã, / Um meio-dia em surdina.»

Canção de amor entrelinces, Gabre Valle

«Além: as dez mil voltas que dão/as suas fabulações de indizeres ditos, mas que perdem o há-de-ser-dito agora.»

(sem título), Hélder António Abreu Vitorino

«...diante do espelho no / meu quarto os meus gestos perdem a singularidade habitual / o meu rosto lívido frágil refletindo-se é mesma / versão de mim próprio colada...»

Boy meets girl, Adolfo Rolando Dias

«São coisas que o Negócio / só sabe de uma única fonte, / desta época, à sua frente: / e A Lua e A Estrada / chegaram a um erro sobre o Homem.»

When Springtime came again, Gabre Valle

«Ainda faz verão, mas / o cenário hoje é de flores novas: / do Anjo novo, nós vemos / com desapressado esplendor o retorno.»

fogo na língua, Ricardo Pereira

«...Escuta o ardor das labaredas que amam a madeira que lhes mata a fome / Parecem corpos de amantes perdidos na noite fria entre vales de seda...»

Hino Homérico XIX: a Pã

Tradução do grego antigo de Duarte dos Anjos.